Testado da Vez| Resident Evil 7

O melhor jogo da Brasil Game Show 2016 é também um dos lançamentos mais esperados para 2017 e o Geekology fez o teste. Confira o que achamos de Resident Evil 7.

Desde o primeiro dia de feira, o espaço reservado pela Capcom a um dos games mais icônicos e adorado pelos fãs das últimas décadas não ficou vazio. Durante todos os 5 dias de feira era preciso encarar uma bela fila para ter o gostinho do novo game da franquia Resident Evil, e os fãs pagaram o preço.

Já começando com a parte ruim, era esperado que o teste do game durante o evento fosse em Realidade Virtual, mas infelizmente não foi assim. A pequena cabana montada ao lado do gigante estúdio da Ubi apenas trouxe o game padrão, o que pode ter decepcionado alguns visitantes. Para quem já tinha jogado a demo* liberada antes da feira, nenhuma novidade. O mesmo cenário e objetivo: você acorda em uma casa abandonada e precisa sair dela, encontrando objetos que te ajudem a cumprir o propósito. A sensação que o jogo em primeira pessoa passa é de que será incrível jogá-lo em realidade virtual, e todo o suspense que o ambiente passa aumenta mais ainda o clima sombrio do game, que promete nos levar de volta às origens de survival horror.

O visual está incrível e o fato de ainda estar em desenvolvimento dá um ânimo extra ao pensar no quanto ainda pode melhorar. Por enquanto só vimos o interior da casa, mas a ambientação e elementos usados conseguem segurar muito bem a tensão. Com o pouco tempo disponibilizado para jogar durante a feira, não era possível chegar ao “final” de fato, mas, como dito anteriormente, se já jogou a demo, sabe o que acontece.

Gostamos bastante do que foi apresentado até agora e esperamos ansiosos (tipo, MUITO) pela estreia oficial. O game tem previsão de lançamento para janeiro de 2017 e será disponibilizado para PlayStation 4, Xbox One e PC.

*A demo está disponível apenas para usuários PlayStation.

Confira o trailer do game:

nota_final_gk

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *